• lianaragao

Pais e avós são presos suspeitos de queimarem bebê em ritual em Teresina

A Polícia Civil do Piauí realizou na noite de segunda-feira, 21 de fevereiro, a prisão do pai, da mãe, Angela Valeria Ferreira, de 21 anos, e dos avós paternos do menino Wesley Carvalho Ferreira, bebê de 1 ano e 9 meses, que está desaparecido desde o último dia 29 de dezembro de 2021 e os familiares divulgaram que a criança foi vítima de um suposto sequestro.


Segundo as investigações, a criança teria sido vítima de um ritual realizado pelos suspeitos. “A Polícia Civil fez várias diligências no final de semana no caso da criança sequestrada e conseguiu progredir nas investigações cumprindo quatro prisões temporárias , sendo do pai, da mãe e dos avós da criança. Eles já foram interrogados e existe alguns fatos obscuros e controversos que precisam ser esclarecidos. A polícia descarta a hipótese de sequestro e trabalha com outras linhas de investigação e uma delas é que a família da vítima ficou em jejum por duas semanas orando e depois sacrificou a criança, colocando fogo no seu corpo”, informou o delegado Matheus Zanatta, Gerente de Polícia Especializada.


“As investigações continuam com intuito de esclarecer a verdade, iremos fazer perícia no local onde foi indicado que a criança foi morta e sacrificada para trazer elementos técnicos para o bojo das investigações”, finalizou.


0 comentário