Bloqueio de R$ 7 milhões pode prejudicar combate à Covid em Teresina, diz secretário

O vice-prefeito de Teresina e secretário municipal de Finanças, Robert Rios (PSB), comentou nesta terça-feira (27), sobre o bloqueio feito pela Justiça dos R$ 7 milhões para o pagamento de precatórios do Executivo Municipal.

De acordo com o secretário, a ação foi uma surpresa e prejudicará o combate à Covid-19 no município.


"Essa surpresa de arrancar de uma hora para outra R$ 7 milhões, dinheiro que estamos usando uma situação de emergência, para enfrentar o Covid, digo, como vou falar para as pessoas, para uma mãe, que seu filho não vai ter oxigênio, como vou dizer pra um filho que não vou poder ajudar sua mãe, pois o dinheiro do oxigênio levaram, como é que eu digo isso?", questionou.


Robert Rios afirmou que muitos teresinenses poderão morrer pela falta do dinheiro no caixa da Prefeitura.

"O que podemos fazer, o dinheiro já é pouco, já é escasso, se tem uma dívida de precatórios, podemos pagar, mas não nesse momento, esse é o momento de cuidar de vidas humanas. Será que essas pessoas que receberam o dinheiro dos precatórios ficarão felizes com a quantidade de pessoas que morrerão pela falta desse dinheiro no caixa", alertou.




0 comentário