• lianaragao

Em Picos, Rafael tem 38,25% e Silvio, 15,50%; com apoios, vai a 54% contra 16% de Silvio com Ciro

Atualizado: 21 de jun.

Pesquisa realizada pelo Instituto Datamax no período de 06 a 08 de junho em Picos aponta que, se as eleições fossem hoje, o pré-candidato a governador do PT, Rafael Fonteles, teria 38,25% dos votos no município. O pré-candidato do União Brasil, Sílvio Mendes, aparece com 15,50% das intenções de voto.

A pesquisa apontou ainda que Major Diego, do PL, teria 1,75% das intenções de voto; Wallace Miranda (Novo), 1%; Venício do Ó (PTB), 0,75%; Ravenna Castro (PMN), 0,50%; Alessander Mendes (Podemos), com 0,25%; e Gustavo Henrique Senador (Patriota), também com 0,25%. O número de pessoas que não sabem ou não querem opinar é 32,25%, enquanto 9,50% dos entrevistados votariam nulo ou em branco.





Na pesquisa espontânea, Rafael Fonteles é citado por 14,75% dos entrevistados em Picos, o dobro das intenções de votos do pré-candidato do União Brasil, Sílvio Mendes, citado por 7,25% dos entrevistados. Logo em seguida aparecem: candidato do PT (3,75%), Wellington Dias (2,50%), Major Diego (0,50%), Ciro Nogueira (0,25%) e Luciano Nunes (0,25%). Não sabem ou não opinam somam 66,75%, e 4% votariam nulo ou em branco.

Na pesquisa estimulada considerando os apoios, Rafael salta para 54% das intenções de votos em Picos com apoio do ex-presidente Lula. Já o pré-candidato do União Brasil, Sílvio Mendes, tem 16% com o apoio do ministro da Casa Civil de Bolsonaro, Ciro Nogueira (Progressistas).


A pesquisa estimulada ainda mostra o pré-candidato Major Diego, com 5,75%, com apoio do presidente Jair Bolsonaro; e Venício do Ó, com 0,75%, apoiado por Roberto Jefferson. Em seguida vêm Wallace Miranda, apoiado por Eduardo Ribeiro; Alessander Mendes, apoiado por Renata Abreu; e Gustavo Henrique Senador, apoiado por Fred Costa, todos com 0,50% das intenções de votos.


Logo depois, aparecem com 0,25% das intenções de votos os pré-candidatos Ravenna Castro, apoiada por Carlos Massarollo; e Gessy Fonseca (PSC), apoiada por Pastor Everaldo.

Os votos nulos ou em brancos somam 6,75%; e não sabem ou não opinam, 14,75%.

Segundo o Datamax, Rafael Fonteles ainda é desconhecido por 41,50% dos picoenses, 38,50% conhece só de ouvir falar e 20% o conhece. Já o pré-candidato do União Brasil é conhecido por 31,75%, enquanto 37,50% o conhece de ouvir falar e 30,75% não conhece de jeito nenhum.


FICHA TÉCNICA - Foram realizadas 400 entrevistas, distribuída nas zonas urbana e rural do município. A margem de erro é de 4,90% e o nível de confiança de 95%. Realizada por encomenda do Portal Jogo do Poder, a pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI), sob o número de registro PI-04129/2022, e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), sob o número BR-08872/2022.



Wellington lidera na estimulada e na espontânea para Senador


Na pesquisa Datamax em Picos para Senador, Welligton Dias lidera com folga tanto a estimulada e quanto a espontânea. Na estimulada, teria 46,50 dos votos se a eleição fosse hoje. Joel Rodrigues (Progressistas), aparece com 15,50%, seguido de Fábio Sérvio (Podemos) com 2,50%, Nel Lopes (PTB), 1%; e Professor Ajosé (PMN), com 0,75. Não sabe ou não opina, 19%; e Nulo e branco, 14,75%.

Na espontânea, o ex-governador foi citado por 16% dos entrevistados, enquanto Joel Rodrigues foi lembrado por 5,75%. Sílvio Mendes, Elmano Férrer e Nel Lopes foram citados por 0,25%. Não sabe ou não opina somam 74% e nulo e branco, 3,50%.


Lula tem mais de 71% das intenções de voto em Picos


O ex-presidente Lula (PT) também tem a grande preferência do eleitorado de Picos em todos os cenários, segundo o Datamax. Na pesquisa estimulada, ele aparece com 71,75% das intenções de voto, contra 14,25% de Jair Bolsonaro (PL). Ciro Gomes (PDT) vem na sequência com 5,75%; André Janones (Avante), tem 1%; Simone Tebet (MDB), 0,50%; e Pablo Marçal (PROS), 0,25.

Não sabem e não opinam somam 3,50% e nulo ou branco, 3%. Na espontânea, Lula e citado por 68,25% dos entrevistados e Jair Bolsonaro por 13,25%. Ciro Gomes, com 2,50%, Sérgio Moro, Ándré Janones, Simone Tebet, Pablo Marçal também são lembrados, todos por 0,25%. Doze por cento disseram que não sabem ou não quiseram opinar, 3% disseram que anularão o voto ou votarão em branco.

0 comentário