Cultura: Secretário diz recursos privilegiava um grupo de empresas de Teresina


O secretário de Finanças, Robert Rios, afirmou que a prefeitura de Teresina encaminhará para apreciação dos vereadores um projeto de lei que promoverá a valorização da cultura município.

A decisão do secretário ocorreu após uma auditoria nos contratos, onde ele afirma que nas gestões anteriores, os investimentos não eram distribuídos para os produtores culturais locais.


“ Durante muitos anos a cultura de Teresina foi explorada por entidades privadas que ficavam com grande parte dos recursos, deixando os artistas com menor parte. Só a contadora de uma dessas entidades, esposa do presidente, ganhava mais que o secretário de finanças do município. Chegou, finalmente, a hora dos músicos, dançarinos, pintores, artistas plásticos e todos que praticam a verdadeira cultura”, declarou Rios.

Em nota, a prefeitura de Teresina informa que não procede a informação de que irá encerrar projetos culturais.


“A prefeitura passará a adotar uma nova forma de relação com o setor artístico, com a contratação direta de artistas, sem o intermédio de ONGs e associações”, diz o comunicado.


0 comentário