• lianaragao

COE alerta que Teresina sobe para a faixa amarela de transmissão da COVID-19

A 26ª semana epidemiológica (SE) de 2022 (26 de junho a 2 de julho) foi marcada pelo registro de um elevado número de notificações de Covid-19 (2.357 casos confirmados). Trata-se do maior número registrado nas últimas 19 semanas, correspondente a 58% do número máximo registrado no pico da onda anterior da doença, no final de fevereiro de 2022. Entretanto, a transmissão da doença parece estar “perdendo força” – a não ser que a capacidade de testagem e de notificação tenha atingido o seu “teto”.


Após atingir um valor exorbitante de 4.49, o número efetivo de reprodução da Covid-19 em Teresina situou-se em 1.14 ao final da 26ª SE. Sob outro ângulo, observa-se que o aumento semanal de casos confirmados chegou a aproximadamente 260% há quatro semanas, mas, entre a 25ª e a 26ª SE, o incremento percentual semanal correspondeu a 9%.


Ainda que se considere um valor pelo menos 17% maior do número de casos confirmados na semana em decorrência de resultados positivos ao autoteste e não notificados, Teresina está no nível médio de transmissão (faixa amarela) da Covid-19.


Para o nível médio de transmissão (faixa amarela), a agência internacional para controle e prevenção de doenças recomenda medidas preventivas como a obrigatoriedade do uso de máscara de proteção em locais públicos e privados que prestem serviços na área de saúde, recomenda sua utilização nos ambientes de grande aglomeração de pessoas, abertos ou fechados.


0 comentário