• Redação

Após pagar R$ 15 mil, advogado acusado de matar uma pessoa e ferir mais três é colocado em liberdade


Após pagar fiança de R$ 15 mil, o advogado Marcus Vinícius Nogueira, preso nesta quinta-feira (02), acusado de matar no trânsito um senhor de 53 anos e ferir mais três pessoas, foi solto pela Justiça. Ele havia sido preso em flagrante, mas foi liberado durante audiência de custódia realizada na tarde desta sexta (03), após o Ministério Público do Piauí emitir parecer favorável à sua soltura. A decisão foi proferida pela juíza Patrícia Luz Cavalcante.

A magistrada concedeu liberdade ao advogado por ele ser réu tecnicamente primário e por não representar “situação de gravidade com perigo de liberdade ao flagranteado”.




Além da fiança, a juíza impôs o uso de tornozeleira eletrônica, além de medidas cautelares, como: manter contatos e dados atualizados para intimações; permanecer longe das vítimas; permanecer em Teresina e no caso de viagem que ultrapasse de 15 dias, pedir autorização judicial; e proibição de acesso a bares e restaurantes ou locais de consumo de bebidas alcoólicas. As medidas cautelares valem por um período de seis meses.


O advogado, presidente da Comissão de Prerrogativas da Ordem dos Advogados do Piauí Seccional Piauí (OAB-PI), se envolveu em um acidente de trânsito que deixou uma pessoa morta no bairro Piçarra, zona sul de Teresina, na noite desta quinta-feira (2). O acidente aconteceu por volta das 22h.


0 comentário